Conecte-se Aprenda Finança

Comércio Exterior

A importância da agricultura sustentável para vender alimentos à União Europeia

Este artigo foi escrito por Niklas Kesseler, Master of Science, Development Studies, LSE. 

Compartilhe este artigo

Publicado por ConnectAmericas

Main Image

DESTAQUES

As práticas sustentáveis são importantes para o pequeno agricultor, pois o mesmo pode aumentar as suas chances de criar laços comerciais duradouros com empresas maiores.

O que é uma agricultura sustentável?

A agricultura sustentável é uma combinação de vários fatores para a obtenção de uma melhor colheita, em termos ambientais, sociais e econômico. Ela se caracteriza por ser lucrativa, tratar todos os envolvidos de forma justa e proteger o meio ambiente.  


Por que a agricultura sustentável é importante para a União Europeia?

A União Europeia (UE) é a segunda maior área econômica do mundo. Um dos maiores bens importados para a UE são os alimentos, visto que a plantação e colheita dos mesmos estão sendo agravados na Europa, principalmente por causa das mudanças climáticas e do calor excessivo. Assim, a UE é vista como a pioneira na luta contra as alterações climáticas. As pequenas e médias empresas agrícolas da América Latina devem levar isso em consideração e adotar práticas sustentáveis para poder fazer comércio com a UE. 

Veja abaixo três grandes vantagens da agricultura sustentável:

• A agricultura sustentável atrai investimentos

A UE lançou a iniciativa “Desenvolvimento de Inovação inteligente através da Pesquisa em Agricultura” (DeSIRA) para criar novas estratégias sustentáveis no setor da agricultura. No âmbito desta iniciativa, na qual foram investidos 270 milhões de euros, há a promessa da UE obter mais de 80% dos alimentos necessários de fontes sustentáveis até 2030 (Comissão Europeia, 2019). Assim, as empresas que adotarem práticas sustentáveis aumentarão, consequentemente, as suas chances de atrair investidores estrangeiros e de se tornarem atraentes para o comércio com a Europa.

• A agricultura sustentável é mais eficiente do que a agricultura industrial

Um dos principais objetivos da agricultura sustentável é minimizar o desperdício, bem como o transporte. Ademais disso, os desejos e necessidades das comunidades rurais e os desequilíbrios sociais são levados em consideração e resultam em um uso mais produtivo dos recursos disponíveis. Desse modo, na agricultura sustentável, torna-se necessário praticar um bom gerenciamento dos recursos naturais e sistemas de cultivo das fazendas. 

As práticas sustentáveis incluem, entre outras medidas, a rotação de safras, adoção da biodiversidade, e as culturas de cobertura para melhorar a qualidade do solo e a redução do impacto negativo do preparo do solo. Essas práticas requerem menos energia e resultam em menos poluição da água, do ar e do solo. Esses métodos também são bem-sucedidos, como demonstra o estudo em andamento da Iowa State University, que descobriu que a rotação de culturas complexas supera a monocultura convencional em qualidade de colheita e produtividade.

• A agricultura sustentável é financeiramente lucrativa

O mesmo estudo da Iowa State University também descobriu que as práticas sustentáveis são mais lucrativas financeiramente, pois produzem safras de melhor qualidade, e logo, geram uma receita maior. Essa mesma análise é apoiada por outro estudo da Accenture, que mostra que os consumidores europeus estão cada vez mais dispostos a gastar dinheiro em produtos sustentáveis, visto que mais de 81% dos consumidores entrevistados na Europa e na América do Norte disseram que estão procurando substituir os produtos agrícolas industriais por versões mais sustentáveis nos próximos cinco anos. 

Essa mudança na percepção do consumidor também é visível no mercado: a Kellogg se comprometeu a comprar os seus dez principais ingredientes (incluindo trigo, milho, arroz, cacau, batata e açúcar) apenas de fazendas sustentáveis, ou seja, que priorizem as práticas sustentáveis para reduzir as emissões de gás carbônico (CO2). 

Em 2016, as marcas que usaram ingredientes de fazendas agrícolas de pequena escala obtiveram 50% de aumento em sua receita ao serem comparadas as marcas que adquiriram seus ingredientes da agricultura tradicional. Esse dado demonstra a importância da adoção de práticas sustentáveis também para o pequeno agricultor, pois o mesmo pode aumentar as suas chances de criar laços comerciais duradouros com empresas maiores.

  • Certificações e selos de aprovação

A presidente da Comissão da UE, Ursula von der Leyen, anunciou em meados de setembro de 2020 que a UE pretende reduzir mais de 55% a emissão de CO2 até 2030, e a agricultura sustentável desempenha um papel importante nisso. Um estudo da Oney, publicado em 2020, mostra que mais de 90% dos clientes na Europa esperam que as empresas destaquem claramente nos rótulos se seus produtos foram produzidos de forma sustentável. Essa atitude influencia diretamente as decisões de compra do consumidor europeu. Assim, o uso de selos e certificações de qualidade representam a forma mais simples e confiável para os produtores sinalizarem que seus produtos são sustentáveis. 

Dois selos em particular são particularmente importantes para o comércio com a UE:

  1. A Marcação CE, também conhecido como selo de aprovação da UE, é particularmente importante. Ele certifica que o revendedor verificou o produto e que ele está em conformidade com os padrões da UE. Leia mais sobre este selo clicando aqui.
  2. Para os produtos ecológicos, por exemplo, o mel produzido em empresas sustentáveis, também podem usar outro selo: o Rótulo ecológico da UE. Esse rótulo poderá aumentar as suas vendas, pois o mesmo mostrará aos seus clientes o porquê que eles devem escolher o seu produto. A UE também fornece uma visão geral das taxas e para quem vale a pena o uso desse rótulo ecológico, para saber mais clique aqui.

Para saber mais sobre o comércio de alimentos com os países escandinavos, confira este webinar (em espanhol) ou leia este artigo (em português) a respeito.

Compartilhe este artigo

{{'LOADING_COMMENTS' | translate}}...
{{'NO_COMMENTS_YET' | translate}}
{{'TO_POST_A_COMMENT' | translate}}

Outros usuários também viram


Carregando...

Entre na ConnectAmericas

Ao criar um perfil na ConnectAmericas, você aceita os Termos e condições e Política de privacidade da Plataforma.

Insira o e-mail com o qual você se cadastrou
na ConnectAmericas para criar
uma nova senha.