Connect Learn Finance
Service

Representando a força da Indústria catarinense, a FIESC desponta como grande articulador de todos os assuntos pertinentes ao empresariado de Santa Catarina

A Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina − FIESC − representa a força da indústria em Santa Catarina, composta por mais de 38 mil empresas, nas quais trabalham mais 670 mil pessoas e responsável por um terço da riqueza gerada em solo catarinense. A entidade congrega mais de 130 sindicatos de indústria, tendo como principal missão representar, política e institucionalmente, o setor industrial catarinense e promover a sinergia do Sistema, além de oferecer serviços nas áreas de comércio exterior, política econômica industrial, infraestrutura e meio ambiente, legislativa e tributária e relações do trabalho.

As entidades da FIESC estão voltadas à promoção de um ambiente favorável aos negócios, à qualidade de vida e educação do trabalhador e ao estímulo à inovação. Mantida e administrada pelo setor industrial com os mesmos parâmetros das melhores empresas privadas, a FIESC e as entidades que a compõem são um dos alicerces da competitividade industrial catarinense.

Competitividade é palavra-chave para a FIESC. Num mercado cada vez mais disputado, a entidade trabalha em duas frentes para que as empresas do Estado possam conquistar espaço nos mercados em que atuam. De um lado, a busca de um ambiente adequado aos negócios é preocupação permanente da Federação, que luta pela modernização da legislação trabalhista, por impostos e juros menores, infraestrutura e políticas públicas para diminuir a desvantagem de quem produz no Estado frente aos concorrentes internacionais. De outro lado, as entidades da FIESC oferecem ferramentas para qualificar cada vez mais as empresas.

Tributos e legislação, comércio exterior, desenvolvimento associativo, infraestrutura, meio ambiente, política econômica e industrial, relações do trabalho e educação são alguns dos temas que estão sistematicamente na pauta de prioridades da Federação. Interlocutora da indústria com os poderes constituídos e toda a sociedade, o trabalho da entidade reflete os anseios manifestados pelas bases industriais por meio de 139 sindicatos filiados, 15 vice-presidências regionais e conta, além do suporte de reconhecida área técnica, com o apoio das câmaras especializadas, que ajudam a entidade a definir os seus posicionamentos.

O associativismo é a maneira pela qual os industriais, por meio da FIESC, buscam solução para uma série de questões não-gerenciáveis por eles, mas que afetam diretamente o dia a dia das empresas. A entidade acompanha de perto a atuação dos poderes Executivo e Legislativo, monitorando as questões que podem ter impacto no setor produtivo, e sugerindo alternativas. As legislações relativas a tributos, meio ambiente e relações trabalhistas estão entre as que têm exigido atuação mais forte da instituição. Em todos os fóruns, a FIESC tem defendido a valorização da negociação entre as partes envolvidas, a urgência de reduzir a carga tributária e a necessidade de considerar a realidade regional ao estabelecer normas. São algumas das questões determinantes para criar um ambiente mais favorável aos negócios, pré-condição para que a indústria possa seguir gerando postos de trabalho e contribuindo para o desenvolvimento sustentável.

O estímulo para que as empresas catarinenses busquem grau cada vez maior de integração ao exigente mercado externo é estratégico na visão da FIESC. A instituição coloca em prática uma série de ações para isso, com destaque para um amplo calendário de missões internacionais. A Federação leva delegações de industriais aos mais diferentes países para iniciar negócios e ter contato com as últimas novidades dos setores em que atuam. Assim, as empresas ganham qualificação e aprimoram sua competitividade, inclusive para disputar o mercado doméstico.  Além disso, está em andamento o Programa Estratégico para a Internacionalização da Indústria Catarinense. A iniciativa trabalha em cinco eixos: promoção comercial, atração de investimentos, capacitação e infraestrutura, fomento de parcerias e inteligência competitiva. Está focada nas pequenas e médias empresas, que no Estado têm participação maior nas transações internacionais do que a média nacional.

A Unidade de Desenvolvimento Associativo da FIESC trabalha pela profissionalização da gestão sindical, promovendo palestras, encontros e cursos de capacitação, além de elaborar projetos de promoção associativa para os sindicatos da indústria. Contribuindo com o desenvolvimento dos Sindicatos filiados à FIESC, oferecendo soluções que atendam suas necessidades e proporcionem o aumento da representatividade e auto sustentabilidade.

A Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina também atua na discussão, encaminhamento e acompanhamento de assuntos relacionados ao meio ambiente, visando o Desenvolvimento Sustentável das nossas indústrias. As atividades neste segmento compreendem o apoio e a realização de eventos, seminários e workshops; capacitação na área de MDL; elaboração de pareceres técnicos.

Além disso, a FIESC participa dos principais fóruns de debate e regulamentação, como o Conselho Estadual do Meio Ambiente (CONSEMA), o Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CERH), o Fórum Catarinense de Mudanças Climáticas Globais (FCMCG) e na Comissão Interinstitucional de Educação Ambiental (CIEA/SC), dentre outros.

A Unidade de Política Econômica e Industrial da FIESC - PEI - monitora o comportamento industrial catarinense e produz uma série de publicações com indicadores e análises econômicas. A entidade consolidou-se como a principal fonte de informações econômicas e estatísticas de Santa Catarina, gerando dados que são referência para tomadas de decisões, além de subsídios para estudos diversos e para as ações institucionais em prol do desenvolvimento econômico e industrial de Santa Catarina.

A FIESC participa e secretaria o Conselho das Federações Empresariais de Santa Catarina (COFEM), que reúne lideranças empresariais de todos os segmentos da economia catarinense e é formado por mais seis entidades: Federação da Agricultura do Estado de Santa Catarina (FAESC), Federação das Associações Comerciais e Industriais (FACISC), Federação das Associações de Micro e Pequenas Empresas (FAMPESC), Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL), Federação do Comércio (FECOMÉRCIO) e Federação das Empresas de Transporte de Cargas (FETRANCESC).

O COFEM foi criado para aprimorar o diálogo entre os diversos setores da economia e dar o melhor encaminhamento para demandas comuns por meio de ações conjuntas. Tem por função acompanhar estudos e projetos estratégicos voltados ao desenvolvimento econômico de Santa Catarina, cuja implementação pode ser viabilizada pela ação sinérgida das entidades componentes do conselho.

Formado pelos presidentes das Federações das Indústrias do Paraná (FIEP), de Santa Catarina (FIESC) e do Rio Grande do Sul (FIERGS) e pelas bancadas parlamentares dos três estados no Congresso Nacional (senadores e deputados federais), o Fórum Industrial-Parlamentar Sul é um exemplo de articulação entre o setor industrial por melhores condições de infra-estrutura e formação de um ambiente de negócios e adequado ao desenvolvimento econômico regional.

 

Provided by:

FIESC

Country:

Brazil Brazil

Sign In to ConnectAmericas
Forgot your password?
Don't have an account? Register here
Enter the e-mail you used when you registered
for ConnectAmericas to create
a new password